terça-feira, 19 de março de 2013

BIBLIOTECA MÁRIO DE ANDRADE - 1938


O nome da Biblioteca Municipal - a segunda maior do país - é apropriado: Mário de Andrade. Um dos paulistas, e brasileiros, mais importantes do século passado.

Um dos grandes legados deixados pelo Macunaíma foi radiografar a nação e inventariar, classificar e atribuir valor à toda arte produzida no Brasil desde o descobrimento. Não é pouco o que o cara paulistou.

Somos maus tutores de seu legado, descumprimos seu testamento, registrado no poema: ‘Quando eu morrer’. Não ‘afundamos’ seu coração no Pátio do Colégio.

Porém, seus dedos e nariz estão metidos todos lugares onde existe arte de qualidade pelo Brasil afora.

Nenhum comentário:

Postar um comentário