terça-feira, 29 de julho de 2014

O Lado Ensolarado da Rua dos Ingleses


O lado ensolarado da Rua dos Ingleses – o longo quarteirão entre o Teatro Ruth Escobar e a Rua dos Franceses.

Muito bonito, mais de uma dezena de sobrados restaurados, preservados e coloridos se exibem nos dias de sol.  Entre eles o Museu Memória do Bixiga e a Miguel Giannini Óculos – o famoso esteta ótico das celebridades e autoridades (política e ficção) – e, nos tempos eleitoreiros, os comitês partidários aproveitam e também invadem a ladeira com comitês (ficção e política de novo).

Vale a pena caminhar e olhar para os dois lados da rua. Com um pouco de imaginação pode-se voltar uns 70 anos atrás. Exceto pela estridência do colorido, porque os paulistanos antigos eram muito mais discretos e sóbrios.

Na ótica do Miguel Giannini – impecavelmente preservada, inclusive as portas e janelas originais, de madeira de lei – existe um museu de óculos antigos com surpresas inesperadas. O Miguelzinho é o cara, além de preservar o prédio, faz um magnífico trabalho social para jovens carentes. Alguns deles  de paletó e gravara  frequentam estreias no Municipal para aprender a valorizar a arte.

Se, depois do passeio, acometer uma impulso irreprimível para adquirir antiguidade, nos domingos, basta descer a bela e pouco cuidada escadaria para Rua Treze de Maio e visitar a Mercado de Pulgas da Praça Dom Orione.

Infelizmente isto não é ficção: a horrenda fiação suspensa nas fotos serve como tarja preta e protesto contra a incompetência de nossos políticos municipais, estaduais, federais e muitos mais.

4 comentários:

  1. Obrigado pela visita, Dulcineia. Vale a pena passear pelo rua num dia de sol e prestar atenção às casas.

    ResponderExcluir
  2. Na Rua dos Ingleses,do lado do Teatro Ruth Escobar,mais abaixo,morou a psicóloga e professora Ana Maria Sannino.Ela comprou a casa,num tal estado de degradação, que a chamou de Titanic.Restaurou-a totalmente,e ela se tornou um pequeno "castelo".

    ResponderExcluir
  3. Obrigado Ida Guttenberg, gosto desses depoimentos que mostram o lado pessoal de S.Paulo.

    ResponderExcluir